Roteiro de um dia no Parque Nacional Arikok, em Aruba

Uma das principais atrações da ilha, o local oferece desde praias deslumbrantes a cavernas pitorescas

Aruba / Divulgção
Aruba / Divulgção

Muitos dos locais mais marcantes de Aruba podem ser encontrados em apenas um lugar: o Parque Nacional Arikok. Ocupando cerca de 20% da ilha caribenha, a área é um habitat natural protegido para muitas espécies selvagens e tem paisagens variadas a serem exploradas. Alugue um jipe ou peça ao seu guia para incluir todos estes pontos no roteiro. Sobretudo, lembre-se de levar sapatos confortáveis para descobrir cada cantinho desse local magnífico!

De manhã cedo: visita à montanha Hooiberg
Para chegar ao Parque Nacional Arikok, é preciso tomar a principal via de Aruba, que cruza os bairros de Tanki Leendert, Tanki Flip e Paradera e leva também a Santa Cruz, uma das mais importantes cidades da ilha.

Mas antes de chegar, que tal uma parada para conhecer um vulcão? O Hooiberg, que em holandês significa “palheiro”, é uma montanha em formato de cone que tem aproximadamente 165 metros de altura e está localizada bem no centro da ilha. Este local oferece uma vista espetacular em um dos pontos mais altos de Aruba. Pela manhã o calor não é tão intenso, o que facilita a subida dos degraus até o topo. Além da deslumbrante vista panorâmica, cabras selvagens, periquitos e os lagartos coloridos fazem a subida valer qualquer esforço. Para ver o maravilhoso nascer do sol do topo, inicie a caminhada ainda na madrugada.

Prove o café da manhã local
Após subir uma montanha, um café da manhã delicioso e típico é mais que merecido! Voltando para a estrada principal, existem duas confeitarias com vista para o Hooiberg: a Bright Bakery e Huchada Bakery. Junte-se às pessoas locais para uma xícara de café holandês, sucos naturais, pães e doces. Nessas confeitarias, os moradores se reúnem para tomar um café e acompanhar as últimas notícias da comunidade.

Parque Nacional Arikok: visita a Daimari e piscina natural
Ao voltar para a estrada e seguir para Santa Cruz, placas de sinalização indicam a entrada principal do Parque Nacional Arikok. Os bilhetes podem ser adquiridos na área de visitantes. Adultos pagam US$10 e jovens e crianças até 17 anos têm entrada gratuita. Neste ponto, também é possível solicitar informações sobre a área e suas principais atrações.

A primeira visita será ao Daimari, no extremo norte do parque. Localizado próximo das áreas onde foram encontrados os primeiros depósitos de ouro na ilha caribenha, Daimari é uma exuberante plantação de coqueiros do século 17 ainda em funcionamento, onde também se situam as deslumbrantes praia e baía de mesmo nome.

Aventure-se em um passeio de quadriciclo e visite a piscina natural. Conhecida localmente como conchi, a piscina tem águas calmas por conta de uma grande barreira de rochas de lava vulcânica que as protegem do mar aberto. É um lugar perfeito para praticar snorkeling, pois é possível encontrar  tartarugas.


Início da tarde: Dos Playa, Boca Prins e Caverna Fontein

Seguindo para o sudeste, a próxima parada é em Dos Playa. São duas enseadas de areias finas e branquinhas, esculpidas em um penhasco pelo oceano e separadas por uma parede de pedra. É o local ideal para um delicioso piquenique ou simplesmente para tomar sol. A praia tem um papel importante por ser um local de nidificação de tartarugas em reprodução. Apesar de ser um recanto muito apreciado por surfistas, a praia conta com restrições para banhistas.

Continuando nesta rota, encontra-se Boca Prins. A enseada possui fascinantes dunas de areia que constantemente mudam de forma por conta dos fortes ventos do local. Nadar aqui é proibido, mas a vista é impressionante.

Um pouco mais adiante está a Caverna Fontein. Essa caverna de calcário é famosa pelos desenhos ameríndios de mais de 1000 anos que decoram as paredes e o teto.


Pausa para o almoço
Depois de tantos passeios, você vai estar faminto! Por sorte, em meio a estas paisagens selvagens existe um pequeno oásis para fazer uma boquinha. O Boca Prins Restaurant & Bar tem uma vista incrível e serve gastronomia local, como garoupa criola ou espetinhos de frango, além de hambúrgueres e sanduíches. Refresque-se com uma típica cerveja Balashi bem gelada ou com um drinque do bar.


Finalizando o passeio no parque: Caverna Guadirikiri
Se você gostou de conhecer a Caverna Fontein, vamos continuar nossa aventura na Caverna Guadirikiri, localizada um pouco mais a sudeste. Famosa pela luz natural que entra por entre as frestas no teto de calcário em suas duas câmaras principais, a caverna é tão iluminada que você não vai precisar usar o flash em suas fotos! De qualquer forma, o seu uso é proibido devido à população de morcegos que ali vive.

Na sequência, vamos seguir para a montanha mais alta da ilha. A 189 metros de altura, a Yamanota oferece uma vista única das duas costas de Aruba. Existe uma estrada para um dos pontos mais altos da montanha, mas é necessário caminhar uma curta distância para atingir o topo e apreciar o visual incrível.

A parada final no parque é no Cunucu Arikok, localizado próximo à entrada. Essa fazenda arubana parcialmente restaurada se assenta aos pés do monte Arikok, e apresenta uma tradicional casa de taipa ou cas di torto.


Para apreciar o entardecer: Urataka Center
Apreciar os tons âmbar e rosa do colorido pôr do sol na região rural de Aruba é tão inesquecível quanto na praia. O Urataka Center, logo após a saída do parque, é o local perfeito. Para matar a sede após o passeio, peça um drinque Aruba Ariba e deguste-o no terraço, enquanto assiste o sol se pôr.


Curta um delicioso jantar rústico
Em sua visita a Santa Cruz, por que não jantar em um pequeno restaurante familiar? Na estrada principal da cidade, o Don Pincho oferece pratos típicos locais e argentinos, incluindo pinchos (espetos de carne bovina), peixe grelhado e o favorito arubano: Jambo, um cozido fresco feito com quiabo.

 

Sobre a ilha de Aruba

Com 110 mil habitantes e localizada ao norte da Venezuela, a ilha de Aruba, no Caribe, é conhecida por suas águas claras e areia branca. Oferece infraestrutura completa de lazer, com 28 hotéis e resorts ao longo da costa oeste, spas, cassinos e campos de golfe – sendo um profissional com 18 buracos. Além disso, a Ilha Feliz, como é conhecido o país, apresenta gastronomia internacional variada e diferentes opções de compras. Atividades para toda a família estão disponíveis em terra firme, com passeios e visitas pela ilha, e também na água, com mergulho em seu mar cristalino e esportes aquáticos. Sua localização privilegiada mantém o clima a agradáveis 28 ºC quase todo o ano e fora da rota de furacões. Turistas brasileiros não precisam de visto para entrada no país. Saiba mais em br.aruba.com.

Banner Formula 1_728x90

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s